A Banalização das Ações por Erro Médico

26/01/10 | Notícias

No campo da medicina, onde vários fatores influem direta ou indiretamente, é comum esperar a ocorrência de erros, não só por parte do médico, mas também de todo o sistema de saúde. Sob o ponto de vista legal o exercício da medicina é uma das profissões mais regulamentadas, pois lida com uma questão delicada que é a vida do ser humano. 

Contudo, as implicações legais decorrentes das possíveis falhas médicas têm hoje em dia merecido destaque, haja vista o crescente número de processos judiciais a que os profissionais da saúde estão sendo submetidos.  

Cada caso deve ser especialmente estudado para só depois, com muita certeza, concluir por um erro médico. Nem todo infortúnio que ocorre no exercício da medicina pode ser considerado erro médico. Porém o que se tem visto é que a sociedade acolhe sem análise prévia as mais variadas notícias e comentários (geralmente críticos) advindos de pessoas sem conhecimento técnico do assunto, fazendo do médico objeto de escândalo e conseqüentemente agredindo uma das mais nobres profissões. Não se quer aqui amparar o profissional inábil. O que se quer é esclarecer os fatos e posicionar-se contra o “marketing” em desfavor da imagem do médico.

Tags: , , , ,